Modalidades de ski: você conhece todas?

Créditos: Sebastian Staines/Unsplash

Conheça os tipos de práticas de ski

Você sabia que existem diversas modalidades da prática de ski? Embora o tipo mais popular seja o ski alpino, existem outros, desde o cross-country ao estilo livre. Conheça e veja o que mais te agrada! 

Variedadades/famílias de Ski

Ski Alpino

De todos tipos de Ski, este é o mais popular. É aquele em que você sobe a montanha usando teleféricos (lift), “cadeirinhas” e depois desce fazendo curvas pelas pistas. O equipamento é todo especializado para você descer ladeira abaixo, com a bota fixada no esqui, os bastões para ajudar com equilíbrio e coordenação, e claro, o capacete para proteção.

Ski nórdico

O termo nasceu para denominar um esqui mais fino utilizado pelos povos nórdicos para travessias de vastos terrenos com neve, deslizando sobre a neve. O Ski Nórdico é utilizado no Cross Country e no Combinado Nórdico, esporte que combina o Ski Cross Country e o Ski Jumping. Em termos esportivos, o Ski Nórdico passou a representar um grupo de modalidades esportivas, composto pelo Ski Cross Country, o Ski Jumping e o Combinado Nórdico.

Ski Cross Country ou Ski de Fundo

O Cross Country é considerado a maratona da neve. Nesse esporte, ao invés de descer a montanha, o praticante atravessa diversos terrenos com subidas e descidas, impulsionado pelos esquis e bastões. Essa modalidade é mais exigente aerobicamente, mas também é mais barata, pois você não precisa pagar tickets dos teleféricos. Nos Jogos Olímpicos, a prova mais longa é de 50 km e existem competições que vão além, com travessias de 300 km.

A bota também é mais macia em vez das duras usadas em descidas, e o calcanhar não fica preso ao esqui para facilitar o impulso. Além disso, os esquis são leves e mais finos,  projetados para viagens de autopropulsão em uma variedade de terrenos, e não apenas em morros.

Ski Jumping / Salto sobre Ski

O Ski Jumping é aquele tipo de ski praticado apenas em nível competitivo, no qual o atleta salta uma rampa grande e tenta ir o mais longe possível. Em competições de alto nível, há atletas que chegam a percorrer cerca 150 metros no ar. Isso mesmo: o equivalente a mais de um campo de futebol inteiro voando com um esqui no pé.

Os esquis em si são bem maiores que o de Ski Alpino e chegam a ter quase 3 metros de comprimento, dependendo do tamanho do atleta.

Ski Freestyle

Este tipo de esqui geralmente se refere a curvas e manobras no ar. É um esporte competitivo, com várias disciplinas como o aerials, moguls e dual moguls. 

Freeskiing 

Termo cunhado nas últimas décadas para delimitar uma modalidade esportiva com cultura própria. O Freeski engloba o Slopestyle, Big Air e Halfpipe, disciplinas que também envolvem saltos, manobras e acrobacias como o Ski Freestyle.

Mas, neste caso, a prática ocorre de uma forma mais livre, que preza mais pela criatividade, amplitude, plasticidade do truque executado contra uma movimentos mais precisos e acrobáticos do Ski Freestyle. 

Ski fora da pista

Esquiar fora pista demarcada, com a neve intocada. Esta modalidade requer habilidades bastante avançadas e é potencialmente bastante perigosa, uma vez que não se sabe exatamente o que existe por baixo da neve.

É uma experiência inacreditável e só é recomendado para esquiadores muito avançados, sempre acompanhados de guias locais que conheçam muito bem o terreno e possam mostrar descidas e rotas seguras.

Telemark Skiing

Esse tipo é semelhante ao ski alpino, porque os esquiadores também devem descer a montanha até o final. Mas, nesse caso, os esquis não ficam presos ao calcanhar. Dessa forma, há mais flexibilidade para o esquiador de um lado e de outro. Isso torna as curvas muito mais técnicas para serem executadas.

Ski adaptado

É a modalidade de Ski adaptado para pessoas com deficiência física. A modalidade usa equipamentos um pouco diferentes para proporcionar a prática para pessoas com diferentes limitações físicas.

A maioria dos ski resorts dispõe de equipamentos para esquiadores com algum tipo de deficiência, mas é sempre bom verificar com antecedência.

Ski de velocidade

Para quem tem mais experiência, esse é o Ski com o objetivo de atingir a maior velocidade possível. Em geral, a meta é tentar riscar a neve o mais rápido e há registros de atletas que atingiram mais de 200 km/h, sendo o recorde mundial 255 km/h. 

Os competidores de Ski de Velocidade (Speed Skiing) usam capacetes aerodinâmicos, esquis longos e bem duros e um traje aerodinâmico para atingir a maior velocidade possível. Não precisa nem dizer que essa modalidade é extremamente perigosa e só esquiadores muito experientes e bem preparados a praticam, né?!

 

X